Uma escola pública de cinema no legendário Mercado de Santos

Mercado Municipal de Santos – Escola de Cinema. Crédito: divulgação Prefeitura de Santos.

Um dos pontos mais tradicionais do litoral de São Paulo – o Mercado Municipal de Santos, em funcionamento há 120 anos – passará por um processo de requalificação e, entre os investimentos anunciados, está a implantação de uma escola pública de cinema no local. As obras devem começar ainda neste semestre, segundo a Prefeitura. Além de ambiente de formação, o projeto inclui a instalação de estúdios, também públicos. A expectativa é que o novo empreendimento – denominado Centro Temático de Cinema de Santos – fomente ainda mais a cadeia produtiva do audiovisual na cidade e na região.

Santos já é, historicamente, cenário de produções dos mais variados gêneros. Peças publicitárias, novelas, séries e filmes são ambientadas nas ruas do Centro Histórico, ou na paisagem da orla e em outros legais emblemáticos, como o porto e a Vila Belmiro. A cidade destaca-se ainda pelo parque exibidor alternativo.

Somam-se às salas em shoppings, um cinema comercial de rua dos mais antigos do país (o Cine Roxy, inaugurado em 1934) e espaços públicos de projeção como o Cine Arte Posto 4, o Cine Toninho Dantas, o Museu da Imagem e do Som de Santos e as salas de bairro, nas Vilas Criativas. Cineclubes como o Lanterna Mágica, da Universidade Santa Cecília (Unisanta); Cinemateca e ainda pontos como a Associação Cultura José Martí promovem sessões também.

Na difusão, da década passada para cá a cidade entrou no circuito de mostras e festivais. O Curta Santos – Festival de Cinema de Santos, por exemplo, terá em 2022 sua 20ª edição. Outro que se firma como referência é o Santos Film Fest – Festival Internacional de Cinema de Santos. Em junho próximo, ocorrerá a oitava edição do evento. Com a escola e os estúdios públicos, a expectativa é que se democratize o acesso à formação em audiovisual.

Há iniciativas nesse sentido, como o Instituto Querô, que há 16 anos atende adolescentes e jovens em vulnerabilidade social. As produções do Querô há muito circulam pelo universo do cinema. Outras opções são de instituições – o curso de Produção Audiovisual da Universidade São Judas, antiga Universidade Monte Serrat (Unimonte), e o de Multimídia da Unisanta.

Características 

De acordo com o que foi informado pela Prefeitura, o Centro Temático de Cinema de Santos será instalado no prédio anexo à edificação principal do Mercado Municipal – uma construção de arquitetura moderna, inaugurada em 1947. Serão em torno de 1 mi metros quadrados, e dois pavimentos. “O espaço contará com estúdios públicos para atender a demandas da própria escola e de produções regionais, nacionais e até internacionais; escola com formação continuada e oficinas de história do cinema, direção de atores, direção de arte, roteiro, entre outros temas que possam atender tanto profissionais do audiovisual como qualquer pessoa que se interesse pela área”, ressalta texto de divulgação. O projeto da escola e estúdios públicos de cinema de Santos envolve as Secretarias de Cultura e de Economia Criativa.

Um comentário em “Uma escola pública de cinema no legendário Mercado de Santos

Adicione o seu

Deixe seu comentário

por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: