Caso Stalin: o papel da vilania na história

A entrevista de Caetano Veloso para Pedro Bial, de forte repercussão, acirrou os ânimos do liberalismo em várias frentes. Seus adeptos, incomodados com a crítica do músico baiano, forjaram um estigma para interditar a discussão sobre a natureza do pensamento liberal e seu lastro histórico: tudo não passaria de um movimento para reabilitar Iossif Vissarionovitch... Continuar Lendo →

Che: uma referência perturbadora

Ernesto Guevara faria ontem 92 anos, argentino de nascimento, latino-americano e internacionalista por opção, revolucionário e comunista como modo de vida. Che permanece inspirando seus companheiros de luta em pleno século XXI e continua criando pesadelos ao imperialismo e aos representantes da classe dominante, que tentaram enterrar suas ideias com seu assassinato na Bolívia. Entretanto,... Continuar Lendo →

A disputa civilizacional da Guerra Fria, o nascimento do Terceiro Mundo e o papel da imprensa em “Mais um dia de vida”

A Guerra Fria é classificada por muitos apenas como um período de competição entre dois sistemas econômicos distintos. Contudo, ela foi muito mais do que apenas uma concorrência entre duas potências militares. Ela foi o embate entre duas propostas civilizacionais que possibilitou de forma indireta a libertação e inauguração de um novo mundo, com novas... Continuar Lendo →

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑