Embaixada da República da Coreia relembra a biografia de ativistas do Movimento Primeiro de Março

Taehwagwan, onde os 33 nacionalistas reuniram-se para ler a Declaração de Independência da Coréia em 1919. Crédito: https://americanpyongyang.com/

A Embaixada da República da Coreia no Brasil relembra a biografia de alguns dos ativistas do Movimento Primeiro de Março, ou Movimento Samil, em seu canal no YouTube, no intuito de celebrar a data que marca na história a série de manifestação e ações de resistência à ocupação japonesa da Coreia. Em 1º de março de 1919, 33 nacionalistas reuniram-se em Seul para ler e assinar a Proclamação da Independência Coreana.

O ato ganhou grande repercussão e, aproximadamente, 2.000.000 de coreanos participaram das mais de 1.500 manifestações ao redor do país, antes dos japoneses conseguirem, após 12 meses, suprimir o movimento. Este evento histórico foi primordial para fortalecer a unidade nacional, o que levou a criação, em Xangai, na China, do Governo Provisório Coreano, ganhando também apoio e atenção internacional. Para assistir aos vídeos da embaixada, acesse os links abaixo.

 

Deixe seu comentário

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: